poesia . fotografia . & etc.


Talvez o mundo não seja pequeno / Nem seja a vida um fato consumado . Chico Buarque de Hollanda, com Gilberto Gil








quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020


processos sumários






ESPLENDOR NA RELVA: SOBRESSALTO, COM ALUSÃO
A WORDSWORTH E RUY BELO


É quando o filme, a uma hora e vinte
e quatro minutos do começo, salta
de repente, ferido dos riscos
da fricção do mundo, e treme o céu
as paisagens se desfocam

Não estava previsto no ardor
da ode primitiva, nem no guião
reescrito em noites de fumo e insónia
de onde saiu tão acabado o enredo

Deanie Loomis, na consagrada
flor da sua glória, por entre os cenários
devastados do Kansas, o olhar poderoso
e frágil, os seios intensamente breves

hesita agora nos sobressaltos da matéria
e num  tempo medido para cá
de todo o drama, da redenção
e do mais sublime, como se afinal
de facto se afogasse, mas tão distante
do imenso fragor das cataratas

Que fazer para continuarmos
demasiadamente felizes, jubilosamente
em desespero, nos intervalos
da insuspeita suspensão da vida

e ter depois de sair para a rua
e para as luzes assim descompassadas
quando os gestos retomam o seu peso
adormecido na escuridão que fica
por dentro de todo o esplendor

e seria preciso que Deanie nos viesse explicar
como nos apaixonarmos, como nos perdermos
e nos reencontrarmos, mas é nosso o temor
de que ela, no seu caminho por entre as mais
se afaste em demasia para longe
e a possam abrigar poemas e relvados
muito mais do que perfeitos

jmts









Stéphane Louis
Abandoned Drive-in . Oklahoma

The Desert by the Sea- Une traversée américaine, 2008

visto aqui







Sem comentários: